domingo, 26 de julho de 2015

DIA DOS AVÓS



Mãe duas vezes é avó
Se for três vezes é bisa
O  amor feito em partilha
O coração se organiza

Jesus é quem concretiza
Amor firmeza e carinho
A mulher mãe e avó
Que trilha bem o caminho

Entre alegria e espinho
Mãe acompanhada ou só
Se sente muito feliz
Quando passa a ser avó

Faz do seu neto um xodó
Pra amar e querer bem
Tudo que sente por filhos
Sente por netos também

Acaba dizendo amém
A tudo que neto faz
Em vez de ter pulso forte
O neto faz e desfaz 

Depois de moça ou rapaz
Deixam  eles desprezados
Não dão a mínima importância
A  seus avós dedicados

Existem avós coitados
Pelos netos esquecidos
Também existem avós
Amados e muito queridos

Outros já tem falecido
Quando o neto vai nascer
Tem neto que só por foto
Pode os avós conhecer

Já outros sentem prazer
De conhecer seus bisnetos
Quando se prolonga a vida
Com amor paz e afetos

Famílias fazem projetos
Com bisas mães e avós
Pelo dia dedicado
Pertencente a todos nós

Até as tataravós
Nesta fila estão entrando
Os avós de Jesus Cristo
A todos abençoando.

Autora: HELENA BEZERRA